RMA Trends

Como conteúdo proprietário pode ajudar na visibilidade da marca

    

conteudo.jpg


Grande parte das pessoas quando possui alguma dúvida sobre qualquer assunto procura as respostas nos sites de busca, certo? É nesse momento que o conteúdo pode fazer diferença e ajudar a atrair potenciais clientes. A empresa oferece conteúdos de qualidade,  que ajudam a sanar as dúvidas dos consumidores
e a educá-los, o que, em contrapartida,  gera o engajamento do público com a marca, potencializando a probabilidade de novos clientes.

O levantamento “The State of Inbound 2016”, realizado pelo Hubspot, mostra que 74% dos profissionais de marketing entrevistados têm como meta para 2017 a conversão de leads em consumidores e 57% querem aumentar o tráfego em seu site.

Já uma outra pesquisa, realizada pelo Content Marketing Institute no final de 2016, com profissionais de marketing de companhias B2B americanas, aponta que 62% deles tiveram mais sucesso em suas estratégias de marketing em relação ao ano anterior. E esse sucesso foi atribuído a melhorias na criação de conteúdo (85%) e ajustes na estratégia de marketing de conteúdo (72%).

Ou seja, não existe fórmula mágica - conteúdo relevante e de qualidade é um dos principais aliados para o aumento da visibilidade de uma companhia.

Vamos a um exemplo. Uma grávida faz pesquisas sobre amamentação e, na primeira página do site de busca, aparece o conteúdo de um fabricante de produtos para bebês que responde a todas as suas dúvidas de maneira clara e didática. Certamente a gestante criará uma empatia pela marca. E uma experiência digital positiva é decisiva no momento da compra.

Do lado das empresas que já decidiram investir em branded content não faltam dúvidas: Como deve ser a estratégia de conteúdo? Quais canais devem ser utilizados? Qual o formato de conteúdo deve ser produzido? Qual a frequência?

 

SEO ou Publicidade Digital? O que dá mais retorno?

 

A decisão mais importante para a estratégia de branded content é apostar em conteúdo proprietário de qualidade – aquele publicado nos espaços da própria marca, como sites, blogs, hotsites, entre outros -, estratégia fundamental para companhias que desejam atrair novos consumidores, reforçar a proposta da marca e fidelizar clientes. A empresa entrega para seus públicos-alvo conteúdo de qualidade e em troca conquista empatia e visibilidade, uma vez que usuários satisfeitos indicam produtos e serviços.

E vale lembrar que as redes sociais também são importantes meios de relacionamento e engajamento com marca e merecem atenção especial. O estudo “The Future of Content Marketing”, divulgado pelo Hubspot no ano passado, mostra que nos últimos dois anos as pessoas aumentaram consideravelmente o consumo de conteúdo no Facebook (+57%), Twitter (+25%) e LinkedIn (+21%).

As marcas precisam estar atentas ao que postam, onde postam e como postam! Afinal, se todas as empresas tiverem a produção de conteúdo em suas estratégias para gerar leads (ou simplesmente engajar o público com a marca), como se destacar? A resposta é simples: oferecendo sempre a melhor experiência aos usuários. É como na piada dos dois caçadores fugindo do leão: o importante não é correr mais que o leão, o importante é correr mais que o outro caçador!

Por isso, outro ponto destacado no “The Future of Content Marketing” foi o formato. Conteúdos multimídia são importantíssimos e os vídeos têm sido citados como os mais atraentes para os usuários de internet. Mas isso não significa que texto e imagens devam ser deixados de lado.

O importante é estudar o público, segmentando-o em personas. Afinal, o objetivo de um blog, ou portal de conteúdo, ou conteúdos postados em redes sociais, é atender às necessidades dos usuários – e não fazer propaganda dos produtos ou serviços da marca – e, desta forma, obter visibilidade e empatia que certamente resultarão em novos negócios e na fidelidade desses clientes.

Topics: tendências, mídias sociais,, Marketing de conteúdo, Plano de Marketing, Own Media

SIGA

Assine

EBOOKS

New Call-to-action
New Call-to-action
New Call-to-action
New Call-to-action
New Call-to-action