RMA Trends

Comunicação Corporativa: Muito além da assessoria de imprensa

22 de Julho de 2015

Topics: comunicação corporativa, assessoria de imprensa


Compartilhe:    

Olhar a comunicação corporativa com um programa exclusivamente de assessoria de imprensa limita (e muito) a eficiência das mensagens da companhia. Dados de recente estudo feito pela Brandwatch.com[i] com as 200 principais marcas B2B globais mostram que, em um dia comum, elas são citadas quase 3 mil vezes em fóruns, mais de 2.500 vezes em blogs e 375 vezes em sites de vídeos e imagens. Sim, os sites de notícias são importantes: o reporte mostra que estas empresas aparecem mais de 5 mil vezes por dia em sites de notícia. Mas fica claro a quebra de paradigmas: hoje, um programa de comunicação corporativa que não integra assessoria de imprensa com comunicação digital, comunicação interna, relações públicas e outras disciplinas, tem enormes chances de ser pouco eficiente. Somente com um planejamento estratégico detalhado com visões sobre todas as ferramentas de comunicação é possível auxiliar a companhia a alcançar seus objetivos de negócios, respeitando sua missão e seus valores e considerando todos seus públicos-alvo.  

Comunicação Corporativa: Muito além da assessoria de imprensa

Uma comunicação corporativa eficiente garante que estas disciplinas andem juntas, sob um mesmo planejamento, em busca de resultados comuns. Cada qual deve desempenhar seu papel, mas todos devem tocar a mesma música, como diferentes instrumentos de uma orquestra. Quando a assessoria de imprensa não está alinhada à comunicação interna e ao marketing digital, por exemplo, é muito difícil – para não dizer impossível – que suas metas sejam alcançadas. A efetividade de uma matéria positiva em um grande veículo de comunicação perde força quando os próprios funcionários estão mal informados ou quando suas redes sociais estão cheias de reclamações sem respostas adequadas.

Com base nestes conceitos, listamos as três etapas principais para que um programa de comunicação corporativa seja bem-sucedido:

 

1 - Planejamento

O primeiro passo para um programa de comunicação corporativa de sucesso é o planejamento. Conhecer as necessidades dos stakeholders internos e externos, a filosofia da empresa, seus objetivos de negócio, suas forças e fraquezas, embaixadores e detratores, o mercado em que está inserida, os concorrentes, seus clientes. Com toda essa informação, o planejamento definirá um objetivo de comunicação corporativo que será alcançado com o trabalho afinado de diversas ferramentas: assessoria de imprensa, comunicação interna, relacionamento com influenciadores, comunicação digital, relacionamento com investidores.

 

2 - Acompanhamento

Pouco adiantará ter um planejamento bem desenhado se não houver alinhamento entre as áreas e executores envolvidos. Parece óbvio, mas muitas vezes não acontece: se os responsáveis pelas diferentes ferramentas de comunicação não se comunicarem, aumentam os riscos de falhar ou demorar mais para atingir o objetivo. É preciso que haja conhecimento de todas as ações, que aconteça uma troca de ideias em tempo real. Toda empresa é afetada por fatores internos e externos o tempo todo e é imprescindível que as áreas envolvidas na comunicação corporativa estejam perfeitamente alinhadas para tomar decisões rápidas e precisas.

 

3 – Mensuração

Apesar de aparecer em terceiro na lista, a análise de resultados é tão importante quanto qualquer outra etapa e deve acontecer o tempo todo. Estabeleça no planejamento métricas e períodos de medição (por ação, por mês, por trimestre, por exemplo) e obedeça estes parâmetros. Segundo o mesmo estudo da Brandwatch, as 200 maiores empresas B2B recebem quase 1 menção por segundo na Internet. Mesmo quando falamos de marcas menores, sem parâmetros será impossível analisar e ouvir.

PEC - Ebook - Como criar um planejamento de comunicação alinhado à estratégia de negócios

Finalmente, para reforçar: não caía na armadilha de analisar ações isoladas sem considerar o todo. Novamente, se não há um planejamento consistente e alinhamento sólido e constante, é impossível exigir efetividade total das ações. A primeira coisa que um cliente deve exigir de sua agência de comunicação corporativa é um planejamento bem desenhado, com metas exequíveis e alinhadas aos objetivos de negócio da corporação. Sem isso, todo o resto será seriamente comprometido.


[i] B2B Social Media Report – ©2015 Brandwatch.com

SIGA

Assine

EBOOKS

Nova call to action
Nova call-to-action
New Call-to-action

ÚLTIMOS POSTS